Clarificação: entenda como remover os sólidos suspensos na água

A clarificação é um processo utilizado para a remoção de partículas sólidas da água, fazendo com que a turbidez do fluído diminua, contribuindo para a sua limpidez (transparência) e purificação.Essas impurezas, obtidas durante o contado da água com o ar e com a terra, acabam comprometendo a estrutura fluvial, podendo causar danos, tanto para quem consome o fluído, quanto para quem o utiliza em processos industriais. Alguns fatores, como o tamanho (inferior a 10 micrômetros) e a carga negativa, podem influenciar na sedimentação dos sólidos da água, tornando a remoção do material mais dificultosa. Para agilizar esse processo natural, utilizam-se produtos químicos, que estimulam a densidade das partículas suspensas, tornando-as maiores e mais pesadas.

As 3 fases da clarificação

Coagulação:

As partículas suspensas na água podem permanecer na superfície por um longo tempo, devido às forças eletrostáticas. Para que esses sólidos sejam depositados no fundo, é preciso torná-los mais densos que o fluído. Com a ação de coagulantes, os microrganismos acabam passando pelo processo de neutralização da carga negativa, fazendo com que eles se atraiam, de forma eletromagnética.

Nessa fase é reduzida a capacidade de repulsão das partículas, contribuindo para que elas se aglomerem, formando pequenos pontos (pin-point), com tamanho semelhante a uma cabeça de alfinete. Para obter um melhor resultado na coagulação, é indicado que o fluído e o produto químico passem por uma mistura rápida, que acelere o encontro e a atração das partículas.

Floculação:

Na fase de floculação, as partículas sólidas, já coaguladas, se juntam e formam fragmentos maiores, chamados de flocos (pin-floc). Conforme aumenta o tamanho, consequentemente, o material torna-se mais denso, facilitando o processo de decantação.

Nessa etapa, a agitação entre o produto químico (floculante) e a água deve ser mais suave, para que as partículas maiores sedimentem com mais facilidade. Caso a mistura seja muito agressiva, pode partir os flocos, fazendo com que os mesmos se desintegrem e percam a forma. Tanto no processo de floculação, como o de coagulação, é preciso calcular a quantidade ideal de produto químico a ser aplicado na água. Para isso, é recomendado o direcionamento de um especialista, afim de não comprometer as características físico-químicas e organolépticas do fluído.

Decantação:

A fase de decantação se inicia com as partículas já sedimentadas, durante o processo de floculação. Devido à gravidade, esses flocos acabam cedendo para o fundo, fazendo com que a água clarificada passe para a superfície, já límpida. Uma vez decantado, os flocos se aglomeram no fundo no tanque, formando uma espécie de lodo (material gelatinoso), que precisa ser removido para não resultar em casos de incrustação e de entupimento em tubulações.

A retirada desse material é feita por meio de equipamentos floculadores e decantadores. Antes de ser despejado, o sólido passa pelo processo de desidratação, no qual toda a água é removida, reduzindo o volume e o peso da matéria, para descarte.

A Unniroyal garante a solução ideal para casos de turbidez, odores característicos, incrustações, corrosões e outros problemas, que envolvem o acúmulo de sólidos na água. Oferecemos uma linha completa de serviços e produtos, para garantir a qualidade fluvial exigida, tanto para potabilidade, quanto para processos industriais.

Agende já uma avaliação conosco e receba um de nossos técnicos em sua empresa.